Segunda-feira, 3 de Setembro de 2007

Carpe Diem...

Desde que vi "Dead Poets Society ", um dos meus filmes de sempre, fiquei com esta máxima. A verdade é que nem sempre a sigo... Aproveitar o meu dia, sugá-lo até ao tutano, e fazer o mesmo com os dias dos que amamos, daqueles por quem nutrimos um sentimento muito para além do banal; que passaram, e estão, nas nossas vidas, quais pinturas rupestres, gravadas na rocha. Mesmo as intempéries não nos tiram estas marcas. Porque os dias não são eternos... Mas também não têm prazo de validade. Porque nunca sabemos qual vai ser a última vez que vemos alguém que ficou a ferro e fogo no nosso coração e no nosso todo! 

Ontem a mãe ligou, como quase todos os dias; o blá blá blá do costume, seguido de um silêncio e de um suspiro:

- O J. ´tá muito mal... - Cala-se... Não estava a perceber. Mal como, se ele estava óptimo, como já não o via há tanto tempo? Parecia até mais novo, a ponto de a I. ter começado com uma ciumeira, ao fim de 35 anos. Ainda para mais, após 15 dias de férias no Brasil.

- Mas ´tá mal como? Eles já chegaram? Que aconteceu? - Notava que, do outro lado, a mãe também não estava muito bem. Foram colegas na faculdade e o casal e filho, nossos vizinhos durante 12 anos. Andávamos sempre em casa uns dos outros, e também de outro casal em que ela é que fôra colega da mãe. Éramos 5 diabretes com idades muito próximas, quase irmãos. A ida para o infantário era responsabilidade rotativa de um dos casais. Delirávamos quando, no inverno, o carro não pegava e tínhamos, nós, os pirralhos, que empurrar o carro!  

- O J.J. vai amanhã para Salvador, ver o pai. A I. achou que ele morria logo na quarta-feira. Ela teve que vir para entrar amanhã ao serviço; ficou o irmão! - Passei-me! Que raio de estrutura é a nossa, que não prevê uma situação destas? E se eles tivessem ido sós?

- Filha, é assim, que queres... - Que queria... Queria poder vê-lo e ele está tão longe... Apetecia-me chorar... Desliguei com a voz quase sumida. Chorei.

sinto-me: perdida
publicado por fraufromatlantida às 12:38
link do post | mergulhar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar na Atlântida

 

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30

.mergulhos recentes

. Carpe Diem...

.arquivos

. Setembro 2014

. Julho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Julho 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. A Gaffe recortada

. Quem é que estava velho, ...

.atlantes

blogs SAPO

.subscrever feeds