Segunda-feira, 12 de Novembro de 2007

Palas nos olhos

Há gente que só vê o que está à sua frente, assim, escancarado! De outra forma, não alcançam... Mete impressão!

Recebi uma factura da EPAL do contrato anterior. As contas estavam todas em nome de uma pessoa, que saiu do apartamento. Como tivemos que esperar até Agosto para renovar o contrato, só nessa altura é que se mudou tudo para meu nome. Mas a EPAL, que diz que no sistema informático o apartamento aparece como duas entidades distintas (?!), insiste em enviar-me as 2 facturas. O pior de tudo é que, apesar de a anterior não estar em meu nome, o NIB para a transferência bancária é o meu! Quer dizer que estou a pagar a água 2 vezes! E tentar explicar isto à menina do call centre da EPAL? Ao fim de meia hora ela continuava a dizer que eram 2 casas distintas. Eu respondia, já com aquele riso de sarcasmo, dizendo que eu morava lá desde o primeiro contrato e, por isso, devia saber do que estava a falar:

-         Mas explique-me como é que vocês fazem 2 contratos sobre o mesmo contador.

-         Mas são 2 contadores porque são 2 casas. Aqui aparece-me como locais diferentes.

-         E que culpa tenho eu que lhe apareça assim? Eu tenho a certeza que o fiz de modo idêntico ao do gás e da luz. Porque é que vocês são diferentes. E porque é que o vosso funcionário veio cá direito quando foi para iniciar o contador, como depois vieram as facturas todas!? E agora diz-me que a morada é diferente?!

E foi isto...! Primeiro, ao fim de 15 minutos a ligar de telemóvel para um fixo (sim, porque a EPAL não tem número verde para estas situações), em que 5 deles me deixou pendurada na música para ir colocar a questão a algum colega, desliguei, furiosa, e voltei a ligar a perguntar se era um número gratuito (estava careca de saber que não), porque para além de me sentir lesada pela situação, estava a sê-lo ao quadrado! Lá pediram desculpa e ligaram. Mas depois volta a conversa de surdos mudos! Enfim, vou ter que lá ir e fazer prova que não são 2 casas diferentes. Se calhar, tenho que pedir o contrato da vizinha da frente para eles verem que é impossível o que dizem. E pensar?! Hã!? Não?!

tags: , ,
publicado por fraufromatlantida às 10:25
link do post | mergulhar | favorito
2 comentários:
De Ribatejana a 13 de Novembro de 2007 às 10:02
Pois, nessas coisas só mesmo indo lá em pessoa. Eu já tive um problema caricato parecido e só depois de lá ir met~e-los na ordem é que a coisa funcionou. Mas eu se fosse a ti pedia logo para falar com o responsável.
De fraufromatlantida a 16 de Novembro de 2007 às 21:19
Falta a confirmação, mas ao que parece, a minha vizinha é que ficou a lucrar com a história: devem ter cancelado a conta dela em vez da que deverião. Resultado: estou a pagar a minha água e a dela!!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar na Atlântida

 

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30

.mergulhos recentes

. Não ter onde cair morto -...

. O encontro com "myself"

. Voltando à história do ca...

. Troika negoceia Verão com...

. O meu dia de ontem...

. Sobre a adopção por casal...

. Sou Benfica!!!!

. Afinal deu frutos!

. A Peregrinação

. Acerca dos (escandalosos)...

.arquivos

. Setembro 2014

. Julho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Julho 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. A Gaffe recortada

. Quem é que estava velho, ...

.atlantes

blogs SAPO

.subscrever feeds