Quinta-feira, 25 de Outubro de 2007

Saudade

Este fim-de-semana estive no Porto. As minhas idas deixaram de ser frequentes, quase semanais, para passarem a ser muito pontuais. Dei comigo a pensar se não terá sido asneira a troca. Gosto muito de Lisboa, onde nasci, mas a Invicta tem um lugar muito especial no meu coração. Apesar de, na altura, estar sentimentalmente presa ao Sul, o motivo que me levou a ficar foi a loja, que não era possível mudar para o Norte. Agora fiquei sem loja, sem amor e sem Porto!

Os amigos, que são mais lá que cá, fazem uma festa sempre que me vêem ; nunca sinto barreiras ou acanhamentos entre nós e parece que foi ontem que estivemos juntos pela última vez. Têm saudades minhas e eu deles... E de todas as memórias que envolvem a cidade; pequenos e grandes retalhos que, juntos, fazem uma bela manta.

Foi o XXI FITU – Festival Internacional de Tunas do Porto. Lá fui, eu, a C.J., a Óca e outras tantas, ansiosas por rever gentes que só estas ocasiões tornam possível. Verdadeiramente matar vários coelhos com uma cajadada. Da nossa geração já quase tudo está casado e com filhos. Vejo-me a olhar para eles, principalmente, homens de barba rija, todos preocupados com a sua prole e muito carinhosos. Os que continuam solteiros e que, apesar de mais novos, ainda conheci, fazem dedicatórias, em palco, para as suas mais que tudo. Elas vice-versa. E eu... Fico feliz por eles... e com uma pontinha de inveja!
sinto-me: nostálgica
publicado por fraufromatlantida às 09:17
link do post | mergulhar | favorito
3 comentários:
De jpgg2 a 25 de Outubro de 2007 às 19:52
é sempre dificil deixar-mos amigos para trás, todas as maluqueiras as aventuras, a camaradagem em si, e vê-los assim vida feita(ou desfeita consoante as opiniões) faz com que se pare um pouco para pensar e realmente deixar o ciúme afluir! as saudades tocam-nos lá mesmo no fundo e fazem sentirmo-nos pequeninos! mas que seja assim pa sempre porque são essas recordações que nos dão alegria de continuar tudo o que de bom tivemos! que venham as saudades também para nos sentir-mos nós próprios e orgulhosos de ter-mos ainda alguém de quem valha a pena recordar!bjs
De fraufromatlantida a 28 de Outubro de 2007 às 16:40
Subscrevo. A saudade é a prova dos nossos bons tempos. Os maus, só queremos esquecer e enterrar.
De jpgg2 a 28 de Outubro de 2007 às 20:58
sim também tens razao ninguém tem saudades dos maus momentos, mas infelizmente por mais vezes que os tentems enterrar eles vão perseguir.nos a vida toda, e a isso não á volta a dar dê pa onde der!

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar na Atlântida

 

.Setembro 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
25
26
27
28
29
30

.mergulhos recentes

. Não ter onde cair morto -...

. O encontro com "myself"

. Voltando à história do ca...

. Troika negoceia Verão com...

. O meu dia de ontem...

. Sobre a adopção por casal...

. Sou Benfica!!!!

. Afinal deu frutos!

. A Peregrinação

. Acerca dos (escandalosos)...

.arquivos

. Setembro 2014

. Julho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Agosto 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Julho 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

.favorito

. A Gaffe recortada

. Quem é que estava velho, ...

.atlantes

blogs SAPO

.subscrever feeds